Ação no STF pode tirar Mandato de Jacó Jácome a cinco meses da eleição

A composição da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte pode ser alterada faltando menos de cinco meses para a eleição. O deputado estadual Jacó Jácome (PSD), que foi empossado em março de 2021 após a cassação de Sandro Pimentel (PSOL), pode perder a vaga na Casa para o professor Luís Carlos Noronha, que em 2018 concorreu pelo PSOL e teve 7.847 votos para deputado estadual.

A mudança pode ocorrer como consequência de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), caso seja seguido um parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR). Já está na mesa do ministro Nunes Marques um pedido do DEM (hoje União Brasil) e do PSDB para que sejam declaradas inconstitucionais todas as decisões da Justiça Eleitoral que usaram o mesmo argumento utilizado no julgamento do caso de Sandro Pimentel.

A tese dos partidos é que, em vários casos, como no de Sandro, o TSE contrariou sua jurisprudência e uma resolução que foi editada para servir de base para as eleições de 2018. Ao julgar o caso de Sandro Pimentel e cassar o mandato do parlamentar, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) anulou os votos conquistados pelo deputado nas eleições de 2018.

Até então, a jurisprudência e uma resolução do TSE indicavam que, quando a condenação ocorre após a eleição, o deputado é cassado, mas os votos são aproveitados pelo partido ou coligação. Com a anulação dos votos, houve uma nova totalização dos votos, e o beneficiado foi Jacó Jácome.

Se os votos de Sandro não tivessem sido anulados, a vaga na Assembleia continuaria com o PSOL, que tem Robério Paulino como 1º suplente. Como Robério já declarou publicamente que não tem interesse de assumir a vaga, o posto ficaria com o 2º suplente, Prof. Luís Carlos, que é pré-candidato a deputado estadual este ano pelo partido Brasil 35 e deseja disputar a eleição estando no cargo.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, se posicionou nos autos e deu razão aos partidos. Aras argumentou que, como há uma resolução que aponta claramente que, quando a condenação é após as eleições, os votos devem ser aproveitados pelo partido ou coligação, essa norma deve ser respeitada.

“A viragem jurisprudencial inaugurada pelo TSE no julgamento (…) não há de ser aplicada ao processo eleitoral já encerrado, sob pena de violação aos princípios da anualidade e de segurança jurídica”, afirma o PGR. Não há prazo para que Nunes Marques julgue o caso.

98 FM

Doria desiste de pré-candidatura à Presidência “com o coração ferido e a alma leve”

Quase dois meses após renunciar ao governo de São Paulo para ser o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, João Doria anunciou nesta segunda-feira (23) sua desistência em participar da corrida eleitoral.

“Me retiro da disputa com o coração ferido, mas a alma leve”, disse. Em sua fala, ele admitiu não ser “a escolha da cúpula do PSDB”, e disse estar nas mãos do partido a decisão sobre a candidatura tucano para o Planalto.

CNN

Radialista poderá ser o deputado federal da região do Mato Grande

O dono de uma das vozes mais ouvidas na região do Mato Grande, através da Rádio 101 FM, da cidade de João Câmara, tem comprovado a audiência do seu programa “Café com Messias”, fazendo com que o seu nome aparecesse na preferência do eleitorado na última pesquisa concretizada pela Brâmane, devidamente registrada junto ao Tribunal Regional Eleitoral (T.R.E.), e divulgada pelo Blog do BG no último dia 10.

A prova da influência do rádio junto à população de João Câmara e demais cidades das regiões do Mato Grande, Central e Potengi é o aparecimento do nome de Messias na pesquisa espontânea no quesito Deputado Estadual.

Messias apresenta o programa popular “Café com Messias” das 07h e 11h, de segunda a sexta-feira, e sua audiência cobre 23 municípios, a partir de João Câmara, “dando vez e voz à população”, como o próprio Messias Pereira de Araújo gosta de identificar o objetivo do seu programa radiofônico.

Em outros levantamentos, o comandante do programa “Café com Messias” tem pontuado bem na preferência do eleitorado nas opções de Deputado Estadual e Deputado Federal.

Com esses resultados, Messias, que já foi candidato a vice-prefeito de João Câmara em 2020, tem recebido apelos de amigos, do seu partido e se sente motivado para disputar as próximas eleições na condição de candidato a Deputado Federal, integrando a nominata do Republicanos, mas isso só será definido nos próximos dias.

Túlio Lemos

Haroldo Azevedo desiste de ser candidato a governador em 2022

A política potiguar amanheceu o dia agitada. O empresário Haroldo Azevedo desistiu de ser candidato ao governo do estado.

Veja a nota de Haroldo em sua rede social:

Iniciei uma jornada pelo RN em maio de 2021. Percorri quase 38.000 km concedendo entrevistas em rádios, televisões, blogs e mídias sociais, em quase 100 municípios…encontrei um estado rico, com imenso potencial adormecido, mas praticamente falido…Infelizmente a maioria dos candidatos ao governo ou senado não pensam no RN e sim em seus interesses…Alguns sequer conseguirão registrar suas candidaturas, meio a tantos processos… Algumas circunstâncias praticamente me obrigaram a tomar essa inevitável e irreversível decisão. O apelo dos meus filhos e amigos, que por conhecerem minha índole, integridade e biografia, sabem que eu jamais comungaria dos mesmos modus operandi …Vejo que meu nome e minha história de vida não cabem e nem combinam com a velha política e com os que se dizem novos, mas que estão agindo com as mesmas práticas…A ala bolsonarista continua sem entender como o presidente Jair Bolsonaro irá respaldar candidaturas originárias na esquerda…A permanecer esse cenário, fatalmente Bolsonaro terá uma derrota acachapante no RN, bem como os que se dizem seus candidatos…..Tinha ideia que a política era um jogo sujo…Existe ainda uma minoria séria e trabalhadora, que luta pelos seus ideais…Meu maior erro talvez tenha sido sonhar com um estado livre das amarras impostas por uma corrupção sistêmica…Pretendia entrar na vida pública como forma de ajudar meu povo e de agradecimento a Deus…Vou cuidar do que sempre fiz: trabalhar nas áreas empresariais em que atuo, principalmente na construção e incorporação de imóveis; radiodifusão e participações societárias …Passei pela política para fazer apenas e somente o correto, honesto…Tenho agradecimentos especiais a fazer, afora meus filhos maravilhosos: Ao presidente Marcel Vital; ao ex-deputado estadual e amigo José Adécio Costa; ao radialista Júlio Cesar Nascimento e ao motorista Jefferson Silva, responsável pelas nossas vidas ao volante pelas estradas do nosso RN……Um agradecimento especial a todas as pessoas que acreditaram em mim…Essas lideranças são formadas por pessoas honestas, conservadoras, comprometidas e ávidas por escrever uma nova história.

Sem Ciro Gomes, Lula seria eleito no 1º turno, aponta pesquisa Quaest

Lula venceria a eleição em primeiro turno em uma disputa sem Ciro Gomes, aponta a pesquisa feita pela Quaest e encomendada pela Genial Investimentos, divulgada nesta quarta-feira (11/5). O levantamento aventou dois cenários sem o pedetista, com Lula marcando 50% e 51% das intenções de voto.

No primeiro cenário estimulado sem Ciro Gomes, Lula (PT) tem 50%; Jair Bolsonaro (PL), 33%; João Doria (PSDB), 5%; branco, nulo ou eleitores que não vão votar, 9%; indecisos, 3%. Nesse cenário, também foram retirados os candidatos André Janones (Avante), Simone Tebet (MDB), Felipe D’Ávila (Novo) e Luciano Bivar (União Brasil).

Em um segundo cenário sem Ciro e também sem Doria, Lula tem 51%; Bolsonaro, 33%; Simone Tebet, 4%; branco, nulo ou eleitores que não vão votar, 9%; indecisos, 3%.

A pesquisa fez 2 mil entrevistas pessoais com brasileiros a partir de 16 anos entre 5 a 8 de maio. O nível de confiança é de 95%. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Metrópoles

Lula oscila para 46% e Bolsonaro estaciona em 29%, diz Quaest/Pesquisas

Jair Bolsonaro manteve 29% nas intenções de voto e Lula oscilou positivamente dois pontos, chegando a 46%, aponta a pesquisa feita pela Quaest e encomendada pela Genial Investimentos, publicada nesta quarta-feira (11/5). O levantamento traz uma mudança em relação aos últimos três meses: pela primeira vez desde fevereiro, Bolsonaro parou de subir e Lula cresceu, ainda que dentro da margem de erro, de dois pontos percentuais.

No cenário estimulado para o primeiro turno, o ex-presidente Lula (PT) marcou 46%; Jair Bolsonaro (PL), 29%; Ciro Gomes (PDT), 7%; João Doria (PSDB), 3%; André Janones (Avante), 3%; Simone Tebet (MDB), 1%; Felipe D’Ávila (Novo), 1%. Luciano Bivar não pontuou. Branco, nulo ou eleitores que não vão votar, 6%. Indecisos foram 3%.

Desde fevereiro, Bolsonaro não ficava tão distante de Lula nas pesquisas Quaest. Hoje, são 17 pontos de diferença. O presidente vinha subindo três pontos percentuais a cada mês. Essa curva foi interrompida no levantamento deste mês.

Em fevereiro, Bolsonaro tinha 23%; em março, 26%; em abril, 29%; e agora, em maio, segue com 29%. A trajetória de Lula, por outro lado, mostra oscilações dentro da margem de erro em todas essas pesquisas, mas agora para cima: o petista tinha 45% em fevereiro; 44% em março; 44% em abril; e agora registrou 46%.

Em um segundo cenário estimulado, sem os candidatos Janones, Tebet, D’Ávila e Bivar, Lula tem 46%; Bolsonaro, 31%; Ciro, 9%; Doria, 4%; branco, nulo ou eleitores que não vão votar, 7%; indecisos, 3%.

A pesquisa fez 2 mil entrevistas pessoais com brasileiros a partir de 16 anos entre 5 a 8 de maio. O nível de confiança é de 95%.

Metrópoles

Em decadência a direita conservadora do RN está com seus dias contados

Sem eleger um vereador no estado nas eleições passadas, a ala Bolsonarista no estado tenta boicotar a candidatura de Fábio Dantas, oposicionista ao governo de Fátima bezerra. Revoltados com Fábio Dantas, por ele ser do Solidariedade e não declará apoio a Bolsonaro devido a nacional do seu partido está apoiando Lula, um grupo chamado ‘DIREITA CONSERVADORA G15’ se nega a tentar esforços para somar na candidatura de Fábio.

A ala Bolsonarista tiveram que engolir Fábio Farias (atual ministro) e o seu pai Robinson Farias (ex governador do RN), tiveram que engolir Rogério Marinho ,(ministro de uma das pastas mis importantes do governo) e tiveram que engolir o centrão. Até os dias atuais, o presidente busca situações políticas que possam somar para sua reeleição. Porém no RN essa mesma ala Bolsonariana, não aceita de forma alguma a candidatura de Fábio Dantas, parece que eles têm um “REI” na barriga e não votam numa decisão.

Em quanto isso as pesquisas mostram que a ala Bolsonarista não fará nem um senador, pois Rogério Marinho mesmo afastado do ministério não consegue ultrapassar Carlos Eduardo. Para governo do RN, passaram á apoiar Haroldo que a meses não coloca mais a cabeça na rua, e para deputado Federal dificilmente Girão conseguirá renovar o mandato. Só restou Coronel Azevedo tentar a reeleição de Deputado Estadual.

E caso as pesquisas não mudem, Ficará também sem o presidente Jair Bolsonaro.

Direita conservadora do RN ( G-15 ) Lança Nota de Repúdio

Somos a União de 15 grupos da Base dos Movimentos de Direita Conservadora Bolsonarista Potiguar e, por meio desse Manifesto, reiteramos nosso repúdio à Candidatura ao Governo do Estado da Petista Fátima Bezerra, bem como do Esquerdista Fábio Dantas, que consideramos uma continuidade da conhecida estratégia da Velha Política de oferecer um candidato “ruim” e outro “menos pior”, mantendo o Poder dentro do mesmo círculo de aliados que se revezam em Governos terríveis para o povo. Denunciamos essa “estratégia das tesouras” e sua pretensão de usar o nome do Presidente Jair Bolsonaro como suposto “apoiador” da Candidatura de Fábio Dantas.

Não há qualquer vídeo em que Jair Bolsonaro diga que está no Palanque de Fábio Dantas ou, pelo menos, que manifeste especificamente algum tipo de apoiamento à essa desastrada iniciativa do Partido SOLIDARIEDADE (que publicamente fechou apoio a Lula). Queremos dizer, sem rodeios, que não há provas de que Jair Bolsonaro apoia Fábio Dantas, como juram de pés juntos supostas “Lideranças de Direita” que aos olhos do eleitorado patriota perderam sua credibilidade. Que estes creontes provem suas juras com uma fala direta do Presidente Bolsonaro confirmando que apoia um preposto do sindicalista Paulinho da Força para Governador do RN.

Como é possível um direitista apoiar politicamente colaboradores da continuidade da Esquerda na gestão de nosso Estado? Quem confia num político ou candidato que bate esteira para a Eleição de um Governo de Esquerda, sabendo que esse fará partidariamente declarada oposição à Jair Bolsonaro – como é o caso de qualquer gestão fisiológica do PT e de seu partido gêmeo SOLIDARIEDADE?

Estamos certos de que a população do Rio Grande do Norte merece algo melhor para seu futuro e faremos todo o possível para eleger candidatos que apóiem não só a reeleição de nosso Presidente da República, mas também a eleição de um Governo Estadual que descontinue o palanque Lulopetista montado pelo ex- Governador Robinson Faria ainda em 2014, quando Lula abençoou sua chapa com Fábio Dantas de Vice e Fátima Bezerra como Senadora. Desde lá, estamos à mercê do mesmo grupo de bandeira vermelha, que conta atualmente uma fração travestindo-se de “bolsonarista” para enganar a população.

Quem apoia o Socialismo não merece confiança, pois SEMPRE age de forma dissimulada.

Nós somos o G-15 e nossa bandeira nunca será vermelha! Nossa iniciativa vem crescendo no Estado e concitamos o povo do Rio Grande do Norte a “fazer uma limpa” nos mandatos eleitorais potiguares, expulsando a Esquerda e a Velha Política das representações parlamentares e gestões públicas.

Robinson Faria fará dobradinha com Zé Peixeiro em Mossoró

Em pré-campanha à Câmara dos Deputados em Mossoró nesta quinta-feira (5), percorrendo órgãos de imprensa, o ex-governador Robinson Faria (PL) teve a companhia do vereador Zé Peixeiro (Brasil 35).

Também participou de sessão solene pelos 55 anos da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA), quando foi homenageado.

O parlamentar mossoroense vai fazer dobradinha com o ex-governador.

Será candidato a deputado estadual este ano.

Robinson e Peixeiro buscarão votos juntos em Mossoró e municípios da região.

blogcarlossantos